domingo, 20 de maio de 2012

Ser...Pleno


O Ser de cada coisa repousa em seu próprio horizonte, como Verdade, evidente em/por si mesma, e inalterada.



Cada Ser é Uno e Pleno na ordem da existência.

Mas nós, envoltos como estamos pela aparência, pela superficialidade e excentricidade, imersos como estamos em nosso "modo de pensar", valores e hábitos, e porque nos afastamos desta Unidade e Plenitude, encontramo-nos distante do horizonte do nosso Ser, alimentando crenças em “verdades” que não encontram assento em nosso (verdadeiro) sentir, propagando-as cegamente...

Há uma Verdade em nós, no horizonte pouco visitado do nosso Ser. 

Só pelo sentir e pelo entendimento podemos acessá-la, só pelo sentir podemos mergulhar em sua evidência e força.

Para este horizonte, ninguém nos leva pela mão...
Usee

Preciso escutar-me

Google Imagem
                                                                                                                 


Existem urgências, questões,
enganos, barulho, ilusões, 
alusões e verdades demais...

E eu,
cada vez mais, sinto... 


Preciso aquietar-me em meu silêncio,

para em silêncio escutar-me em meu Ser...


Usee


terça-feira, 8 de maio de 2012

Há um horizonte, e há um caminho...


Google Imagem



Há um horizonte
e há um caminho...

O horizonte é o do Ser,
seu caminho é o verdadeiro caminho.

Porque então tomamos os atalhos,
se estes nos desviam do horizonte
e de seu verdadeiro caminho?

Nossos interesses e questões
nossas prioridades, apegos e resistências,
mostram-nos um falso horizonte,
transformam-se em valores
aos quais passamos a observar e acatar,
e pelos quais nos deixamos guiar e alienar.

Entregues e guiados por tais valores
desviamo-nos do horizonte do Ser,
anulamos o sentido de nossa existência...

Usee



Pequenos Pensamentos - LXXXI


Postagem original, em 30.10.2011

                
               Aprender os caminhos do SER
               é importante.
               Entretanto, aceitar e acolher
               o caminho para VIVER O SER
               é fundamental, primordial.
               Esta é a essência/razão
               da nossa estada aqui.

                                                          ArqueiroHur


terça-feira, 1 de maio de 2012

O Tempo é de Retorno...


Google Imagem
                                               

A “humanidade”, levada pela formatação da sombra e regida por ela, arrogou-se o controle sobre si e sobre toda Criação, foi se afastando, individualizou-se, separou-se Dela...

Movida pela ganância, pela sede de poder, pelo controle, pelo individualismo, pela SEPARAÇÃO, usou e abusou do que a Natureza disponibilizava (de absolutamente todos os recursos), negou e renegou a Mãe Terra, que a acolheu...

...Arquitetou, inventou, modificou, violentou, destruiu...Com isso determinou, passo a passo, dia após dia, o limite de sua existência no Planeta... 

Os sinais, as evidências “do limite” estão aí, a olhos nus... 

Precisamos remover o véu da ignorância, da formação, dos padrões que nos alienaram e alienam e pelos quais nos anulamos e nos afastamos de nossa essência...

A Mãe Terra chama-nos à consciência...:

“MEU SOLO É SAGRADO, POIS CARREGA O FLUXO VITAL DE ENERGIA DA DIVINA LUZ.

DEVEMOS SER, ESTAR LIGADOS NOS SENTIDOS.

PEÇO COM AMOR E RESIGNAÇÃO QUE NÃO ME ABANDONEM.

ANCOREM-SE JUNTO A MIM, NESTA TROCA DE ENERGIA QUE FLUI DOS NOSSOS CORAÇÕES.

TENHAM CONSCIÊNCIA DE QUE NÃO SOU A RESPONSÁVEL PELAS "PERDAS", E SIM AS CONSEQUÊNCIAS DAS IMPRUDÊNCIAS DE SUAS CONSTRUÇÕES INDEVIDAS E POLUIÇÃO DESMEDIDA.”*

E nós, seus filhos, que pela ignorância nos submetemos à separação e nos permitimos ser conduzidos pela sombra, precisamos agora nos rever e cuidar da morada do nosso Ser, entregar-nos a Ele, para então estar e vibrar na (e com a) Luz...

O movimento que está se dando na Mãe Terra é de alerta, para que despertemos...

“Esse renascer que se está a dar na Mãe Terra, tem repercussões no vosso interior. Não se esqueçam meus filhos que sois todos UM e o planeta também é um Ser Vivo, como tal, estando todos ligados, sentem as dores, as alegrias, as raivas, o amor uns dos outros.”**

O tempo é de retorno a nossa verdadeira morada...

Só pela consciência, pela entrega ao Ser, pela entrega a Luz é que podemos fazer o caminho de volta e restabelecer o elo de harmonia com o Todo, com o nosso Ser Superior...

Usee

* DE MÃE TERRA – Por Luz Da Alma, em 27-03-12.
Publicado por http://arqueirohur.blogspot.com.br em quinta-feira, 29 de março de 2012.

**Canalizado por Manu, em 18.07.2011, e publicado por ArqueiroHur em 18 de março de 2012.




Duas Certezas...


Google Imagem


Vivemos como se fôssemos infinitos e eternos no horizonte da materialidade (do mundo material). É este sentimento que nos faz querer ter o controle sobre tudo e sobre todas as coisas.

Carecemos da consciência e atenção a estas duas Certezas, óbvias por si só:

Primeiro: “O homem não conhece o futuro. Quem lhe poderia dizer o que há de acontecer em seguida?” [Eclesiastes, 10;14];

Segundo: “A DESINTEGRAÇÃO DAQUILO QUE SEUS OLHOS PODEM VER E SUAS MÃOS TOCAM É CERTO E DEFINITIVO. PORTANTO, NÃO AS FAÇAM DE ‘ESCORAS’ ILUSÓRIAS.” *

Conscientes e atentos a essas certezas, devemos/podemos nos entregar a Luz e confiar a Ela o controle, e não querer, nós próprios, tê-lo...

Usee

*MAITREYA: Por Luz Da Alma, em: 07-04-12 – Publicado em 08 de abril de 2012 por http://arqueirohur.blogspot.com.br