sábado, 4 de agosto de 2012

... consciência do Ser



Quando, para além da aparência, das falhas, desequilíbrios e ocultações que o ego produz, reconheço o princípio fundamental que dirige a vida e a existência, sou capaz de reconhecer e compreender a Luz e a Verdade emanada da Criação, sou capaz (também) de reconhecer a Luz e a Verdade que vem de cada Ser (além do Meu), e que me pode levar, em transcendência, ao Ser Superior.

O que me cabe diante desta consciência?

Cabe-me proceder a limpeza a fim de evidenciar o meu Ser, cabe-me a revisão constante, a vigilância constante, a reflexão constante, a escolha, a determinação no caminho...


Usee


Um comentário:

  1. Bom dia,
    À quem atribuo esse poder tão vil as ocultações do ego? Não consigo ainda desvincilhar-me deste véu que cega....
    Um abraço.

    ResponderExcluir