domingo, 23 de setembro de 2012

Sabedoria...



No homem, a sabedoria é expressa através de palavras e atitudes... É quando exprime sua real “Natureza”; “Essência” / SER.

A verdadeira sabedoria (humana) “toca”, revela, convence, dá entendimento, produz discernimento, revela Luz e Verdade, assim como faz cada ser criado (que também está sobre a Terra...).


O que comunica, assemelha ao que expressa a semente ao fazer nascer a planta, a planta ao fazer nascer a flor, a flor ao fazer nasceu o fruto, o fruto ao produzir a semente...




Assemelha-se, ao canto de um pássaro... ao perfume que cada flor exala, ao parto (e depois o cuidado e o afeto) de cada bicho com sua cria, a simbiose de cada folha com o ar e com a luz, a sintonia de cada célula com o resto do organismo...

O que traduzem? SABEDORIA!
Dão a conhecer, torna evidente a Criação, a Sabedoria Divina...!

Nos raros momentos em que consegue expressar sua sabedoria, traduzindo seu Ser, o homem também realiza o trabalho que lhe cabe, de ser segundo ser o Ser, de traduzir-se, no/pelo entendimento de sua Verdade interior... Dando a conhecer a Verdade e a Sabedoria Divina.

Quando não o faz é porque está ocupado demais com o externo, atendendo a seus apelos, seduzido pelo efêmero...Neste horizonte pensa cumprir o que lhe cabe neste mundo. Pensa, mas se engana!

Somente quando nos distanciamos da “zona da ilusão” e dos “apelos do mundo”; de suas vibrações e seduções, é que podemos “criar condição” para viver segundo nossa Essência, revelando, traduzindo e realizando o Projeto Divino em nós.

Usee



Nenhum comentário:

Postar um comentário