domingo, 9 de setembro de 2012

O propósito em "SER..."


Foto: Aleh

Sobriedade, temperança, transparência e simplicidade
são virtudes que, quando praticadas, remete-nos
ao mais profundo do Ser; ao nosso interior.

Quando, em algum momento as praticamos,
 experimentamos o Amor e a Sabedoria Divina.

Pela sobriedade alcançamos a tranquilidade
 sensível, intelectual, mental, espiritual.
Centramo-nos, reconhecemo-nos, 
aceitamo-nos, perdoamo-nos...

Pela temperança alcançamos o equilíbrio
e o externamos nos gestos, nas atitudes, nas ações.
Passamos a agir com sabedoria, 
coerência, sensatez... 

Pela transparência nos mostramos
damos a conhecer nosso íntimo,
tornamo-nos amorosos, justos, verdadeiros...
respeitando, reconhecendo, compreendendo...,
a Todo Ser; a todos, sem distinção.

Pela simplicidade acolhemos,
vivificamos nossa natureza e essência
evidenciamos nossa luz interior, 
propagando-a, sendo exemplo...

“SER” e viver segundo o SER,
segundo a Virtude e o Amor,
é sim, de cada um!

Esta é uma condição tangível
para quem, minimizando
as vicissitudes e influências do mundo, 
se dá ao propósito de Ser...
[segundo a virtude, segundo o Amor]

Usee


Nenhum comentário:

Postar um comentário