sexta-feira, 5 de outubro de 2012

Nossos movimentos interiores...

Foto: Aleh



Que sentido (direção) tomam nossas atitudes ou ações?
De qual vibração origina e que vibração produz
(do que resulta e o que provoca ou gera)?
Sabemos?

Constitui um ato de observação
e atenção interior (consciência) 
identificá-las.

Nossos movimentos interiores,
 'se frutíferos' – nos fazem 'crescer'
(generosidade, solidariedade, amorosidade...)
'se estéreis' – nos deixam/mantêm na ignorância
(arrogância, interesse, egoísmo...)

Então, uma vez reconhecidos,
podem ser conscientemente irradiados
ou reparados e revistos.

Esta é uma “condição necessária”
para dirigir nossas atitudes e/ou ações.

Usee


Nenhum comentário:

Postar um comentário