quinta-feira, 23 de maio de 2013

ENGANO (I e II) - ArqueiroHur


                    Publicado neste blog em 30/01/2013


ENGANO

Postado em 17.01.2013
em http://arqueirohur.blogspot.com.br/

Engano é supor que tudo se finda neste aqui,
que não há consequências
ou que se consertar o indevido.
Repetindo, por teimosia e arrogância as situações,
sem me aceitar, me perdoar e rever.




Engano é não perceber tudo como aprendizado.
Não sentindo a mão da Criação em cada Ser e situação.
Principalmente nas ações mais
tenebrosas ou conflitantes para o nosso ego/conceito;
sendo nestas,
a oportunidade de demonstrarmos
o nosso equilíbrio e aprendizagem.



Engano é esquecer
que a Criação e o TODO,
que tudo veem, tudo sabem e tudo podem...,
têm as soluções para o que quer que seja.
Que só cabe a Eles,
dar, retirar e destinar
a continuidade do aprendizado, da vida.




Engano é não crer na Criação,
no Seu Plano,
injuriando-me contra Ele
e me entregando a “pedidos” e “sonhos”,
sem me responsabilizar ou cuidar
do meu caminhar.




Engano é "não me ver” e perceber/sentir no TODO;
e desta forma, distante e individualizado,
cometer o maior de todos os enganos, que é:
me afastar da Criação.

ArqueiroHur


ENGANO II

Postado em 18.01.2013 
em http://arqueirohur.blogspot.com.br/2013/01/engano-ii.html




ENGANO II

Engano é tentar me esconder,
fingindo ser, para os outros, o que não sou;
disfarçando e ou 'procurando' compensar
aquilo que sei ser e estar em mim,
me incomodando.




Engano é pensar que engano a alguém!
Pois quando ‘minto’,
falto com a VERDADE que habita em mim.
E negando-A,
nego a minha consciência, ao meu Coração,
a minha Voz interior... e ao TODO.




Então, a quem penso enganar?

ArqueiroHur


Nenhum comentário:

Postar um comentário