quarta-feira, 6 de março de 2013

Se aprendo a observar...



Se aprendo a observar o fundo de cada escolha e de cada atitude minha, se me habituo a fazê-lo com isenção e serenidade e se finalizo este exercício trabalhando; esforçando-me, para manter o que deve ser mantido, reparar e sanar o que me é indevido; que me violenta e afasta de mim (meu Ser), então estarei a processar aquela revisão tão necessária para minha harmonia e serenidade interior, para alimentar minha percepção e consciência do Todo, para me encaminhar ao propósito maior; aquele que diz respeito a meu Ser...

Usee


Nenhum comentário:

Postar um comentário