sexta-feira, 28 de junho de 2013

Aparar as arestas...
















O que nos impede de avançar no propósito de ser, para ser segundo nosso Ser; em consonância com o Amor, são arestas, de um modo de ser do passado, de um “nó” ou amarra,  que “ainda” não conseguimos “aparar”, nos libertar, vencer, mas que é preciso observar, rever, reparar... 

É isto que cada um deve fazer!


Usee

Nenhum comentário:

Postar um comentário